ENTENDA OS BENEFÍCIOS DA RELAÇÃO ERP E BI

ENTENDA OS BENEFÍCIOS DA RELAÇÃO ERP E BI

Quando uma pequena fábrica ou loja de móveis começa a funcionar, ainda em uma saleta alugada, pode ser relativamente simples anotar pedidos em blocos de notas, fazer as contas do caixa em planilhas do Excel ou montar um catálogo de produtos no PowerPoint.

Contudo, à medida que os negócios se expandem, não há como renunciar ao uso de um ERP. Mas qual é a diferença entre ERP e BI? Independentemente do setor de seu negócio, o segredo do sucesso é estar sempre um passo adiante da concorrência, especialmente quando o assunto é tecnologia.

Nesse sentido, é extremamente importante se atualizar sobre as ferramentas de TI usadas na gestão empresarial, inclusive porque na era dos softwares por assinatura, muitas soluções podem ser adquiridas por um custo acessível até mesmo para as microempresas.

Pensando na importância da inovação na indústria de móveis e lojas de planejados, preparamos este conteúdo para mostrar o quanto a relação entre ERP e BI pode fazer diferença em sua empresa! Veja só!

Quais são as diferenças entre ERP e BI?

Como você elabora fluxo de caixa e Demonstrativos de Resultados do Exercício (DREs) em sua loja de móveis? Como você sabe se todas as compras a prazo estão sendo devidamente creditadas (com as taxas acordadas) pelas instituições que gerenciam as maquinetas de cartões?

Mais do que isso, qual a ferramenta que você usa para calcular comissões dos vendedores e formular o orçamento para cada encomenda? Por fim, como você estima a quantidade de insumos que precisa para fabricar cada móvel?

Se as respostas para todos esses questionamentos não passam por cálculos automatizados, você provavelmente está perdendo produtividade, mantendo mais funcionários administrativos do que precisaria e, pior, errando mais do que deveria. Aqui entra a vantagem de ter integração entre ERP e BI.

ERP (Enterprise Resource Planning)

Um ERP serve exatamente para ampliar o profissionalismo de sua gestão de negócios, automatizando inúmeros processos e digitalizando dados que, posteriormente, podem ser usados por ferramentas de Business Intelligence (BI). Mas afinal, qual a diferença entre ERP e BI?

Para escolher um ERP, é preciso saber o que ele vai entregar. Um ERP é um sistema de gestão empresarial que centraliza todos os processos da empresa em um só software, que é dividido em vários módulos (financeiro, jurídico, comercial, RH, marketing etc.).

Geralmente alocado em nuvem, o ERP é o centro da gestão de dados de uma organização, disponibilizando informações como vendas realizadas, saldo em caixa e metas comerciais, tudo em tempo real.

BI (Business Intelligence)

O ERP é um banco de dados unificado. Por outro lado, Business Intelligence (BI) é o uso desse datacenter para transformar dados brutos em informações gerenciais, que ajudem na tomada de decisão dos gestores. Perceba que o uso do BI pressupõe o trabalho prévio em um ERP.

Isso porque o objetivo prático do ERP é eliminar por completo a circulação de papéis dentro da empresa; sua ausência é uma falha de gestão que impede a centralização para processamento de dados por soluções de BI.

Se suas informações estão espalhadas por muitos suportes distintos, fica difícil gerar insights para seu negócio. Vamos dar alguns exemplos práticos da relação entre ERP e BI.

Na prática, o que cabe a um ERP e a uma ferramenta de BI?

No dia a dia de sua loja de móveis, é o ERP que registra dados como volume atualizado de estoques e número de pedidos no mês. A partir desses indicativos, uma solução de BI integrada pode calcular qual o nível ideal de estoques para a demanda atual, quais itens precisam ser comprados e a medida exata dos insumos a serem usados em cada fabricação.

Seguindo o mesmo raciocínio, ter esse ecossistema tecnológico alinhado abre portas para que dados como custo de produção e margem lucro sejam trabalhados mais profundamente em uma ferramenta de BI, transformando-se, por exemplo, na entrega de orçamentos exatos, de forma personalizada, instantânea e sem necessidade de cálculos manuais.

O uso de um ERP, em sintonia com Business Intelligence, também apresenta resultados bastante interessantes no relacionamento com o cliente. A partir do armazenamento de dados do perfil e do histórico de consumo de cada cliente, o software pode atuar com a geração de descontos personalizados e até mesmo indicar qual estética de produção mais agrada cada comprador. Essa é apenas uma lista não exaustiva de possibilidades de uso da integração entre ERP e BI.

Por que investir na integração dessas tecnologias?

De forma analítica, as perspectivas apontadas no tópico anterior já deixam claro as razões pelas quais se deve investir na integração das duas soluções, especialmente em um setor cada vez mais dependente da TI, como o moveleiro (mergulhado em vanguardismos como desenvolvimento de projetos 3D, visitas a showroom por realidade virtual, entre outros).

Para mais clareza, vale a pena sistematizar os principais benefícios da sinergia entre ERP e BI:

        centralização do patrimônio informacional corporativo;
        redução de custos administrativos e operacionais;
        redução dos trabalhos de digitação manual;
        exportação de relatórios a outros sistemas;
        enxugamento das tarefas meramente administrativas;
        aumento da consciência sobre os negócios e do conhecimento da carteira de clientes;
        maior eficiência da força de trabalho;
        emissão de relatórios detalhados (e personalizados) sobre os cenários interno e externo.

Dotar as lojas de móveis de inteligência de dados é de fundamental importância para ter um mapeamento claro sobre os processos, estimativas e cumprimento dos objetivos que foram estabelecidos. Esse tipo de tecnologia também é chave para negócios que têm filiais, já que evita que suas unidades adquiram vida própria, sem padronização na gestão de recursos, controle de estoques e registros financeiros.

Quer deixar a gestão de suas vendas de móveis mais estratégica? Gerencie e organize os processos da loja com inteligência computacional, lançando mão de orçamentos eletrônicos, integração com soluções de projetos 3D, controle de comissionamento automatizado e muito mais!

Entre agora em contato conosco e surpreenda-se com o quão vantajoso pode ser a integração entre ERP e BI em sua fábrica ou loja de móveis!

Compartilhe este artigo

Artigos relacionados

O mercado moveleiro está em constante expansão no Brasil e o Rio Grande do Sul lidera o cenário. Saiba mais sobre a importância da Promob para esse setor.
Fábricas, Marcenaria

Setor moveleiro: conheça os estados brasileiros que se destacam

Woman monitors dark office
Fábricas

CONHEÇA 3 FERRAMENTAS DE BUSINESS INTELLIGENCE E OS SEUS BENEFÍCIOS

promobsoftwaressa_promob_image_582
Fábricas

ENTENDA OS BENEFÍCIOS DA RELAÇÃO ERP E BI

Inscreva-se

Acompanhe artigos, dicas e tutoriais sobre o mercado moveleiro.