Varejo

Como gerenciar o estoque da sua loja de móveis?

14/01/2019

O controle do estoque de loja de móveis é certamente um dos principais desafios na rotina do profissional da área. O motivo é que, se isso não for feito adequadamente, surgirão consequências tanto na organização estrutural do negócio quanto no atendimento ao cliente.

Sendo assim, o ideal é ter critérios para lidar com essa parte tão importante do empreendimento. Vale lembrar que uma boa gestão do estoque gera diminuição de desperdícios e, consequentemente, redução de custos. Para tanto, é preciso, essencialmente, ter planejamento e disciplina.

Quer algumas dicas? Então, continue a leitura!

Tenha um inventário

Um inventário é uma lista que um empresário pode fazer para registrar todos os bens e materiais que tem à disposição em seu estoque. Eles podem estar armazenados dentro ou fora da empresa, desde que pertençam a ela.

A importância de criar um inventário é você poder, periodicamente, identificar falhas, mantendo o controle sobre a loja. O ideal é que não faltem itens ou que eles não existam em excesso, sendo necessário respeitar a periodicidade das vendas da empresa.

Além de fazer o devido levantamento dos itens vendidos, é recomendável também fazer o cadastro para controle. Para tanto, use uma planilha ou, se quiser sofisticar o processo, conte com um software de gestão. Com uma plataforma integrada, por exemplo, você pode simplificar sua ação e alcançar resultados com maior facilidade.

Utilize a tecnologia como aliada

Sempre que se fala em tecnologia, é preciso ter atenção ao que ela realmente pode fazer pelo seu negócio. Nesse sentido, mais do que modernizar os processos, é preciso atuar de maneira a encontrar soluções para realmente trazer resultados.

Nessa lógica, existem ferramentas que podem simplificar a gestão, desde que sejam adotadas com critérios. Um exemplo são softwares de gerenciamento empresarial, que podem ser extremamente úteis na organização do estoque. Com elas, você pode ter benefícios como maior segurança, praticidade e eficiência nas ações. Um sistema intuitivo e com interface amigável pode aperfeiçoar a gestão da sua empresa e melhorar os processos.

É bom destacar que operações feitas manualmente costumam gerar perda de tempo e, o que é pior, trazer informações equivocadas. Isso pode ser terrível quando no final do processo a empresa se vê diante da falta de um produto em estoque diante de uma venda fechada, por exemplo.

Com um software específico, por sua vez, você pode organizar informações com precisão, mesmo quando existe uma grande quantidade delas.

Organize seus produtos

É importante que, para manter tudo em ordem, você organize os produtos em estoque, considerando não somente o layout, mas também a forma de armazenamento de cada item.

Com a devida organização, é possível gerenciar melhor os espaços e dessa maneira ter como armazenar mais produtos mesmo em locais menores. É preciso saber o que é ideal para cada unidade. Você pode ter uma reserva de 1 ou 100 itens no estoque. Para fazer o que é certo, analise caso a caso, considerando fatores como a procura por parte dos clientes, a ação dos fornecedores, sazonalidades, entre outros.

Avalie questões como o chamado giro de estoque, os preços que estão sendo pagos e economia de escala diante de pedidos maiores, bem como prazos de entrega dos fornecedores e tempo entre o recebimento da mercadoria e distribuição para o consumidor final.

Treine a sua equipe

Independentemente do recurso que será utilizado, não deixe de treinar os colaboradores que ficarão responsáveis pelo estoque. E quando falamos em treino, nos referimos não só a uma única ação, como um curso ou workshop. É preciso que essa preparação seja recorrente, de maneira que todos estejam atualizados e aptos a agir mesmo em situações diferentes.

Caberá à equipe estar preparada para lidar com todas as atividades que dizem respeito à gestão de estoque. Para tanto, comece atribuindo a alguém de confiança a função de líder, sendo esse o responsável pela análise de rotina dos processos e monitoramento do funcionamento do sistema.

Com organização e o uso de recursos certos, você terá como fazer da gestão de estoque eficiente um dos diferenciais do seu negócio.

Trabalhe com um modelo de reposição

Você pode escolher entre 2 formas de reposição, dependendo do que julgar mais conveniente para o seu negócio.

A reposição do estoque pode funcionar com 2 modelos: contínuo e periódico.

No modelo contínuo, a empresa compra produtos com maior frequência, mas mantém em estoque uma quantidade menor de mercadorias. Dessa maneira, é possível diminuir os custos de armazenagem e evitar perdas e mesmo a compra equivocada de produtos. A contrapartida é o eventual gasto maior com compras e a diminuição do potencial de barganha com os fornecedores.

Já no modelo periódico, a reposição consolida pedidos recebidos em uma data precisa. Ela permite mais negociação com os fornecedores, mas em contrapartida apresenta o risco de falta de produtos antes do que seria ideal para a empresa.

É possível trabalhar com ambos os modelos, desde que você tenha conhecimento da demanda de cada produto. Em função disso, determine qual é a opção ideal para a sua reposição e garanta uma boa gestão de estoque empresarial.

Crie parceiras com fornecedores

Uma dica especial tem a ver com os fornecedores, afinal de contas, você depende do trabalho deles para ter bons resultados. Sendo assim, construa uma boa relação, visando o trabalho de longo prazo. Se o seu fornecedor entrega os produtos no tempo certo e se isso for um padrão, certamente a sua empresa terá benefícios ao evitar problemas com os clientes.

Com a boa relação você terá como negociar questões como prazos de entrega, condições de pagamento e eventuais mudanças no padrão de negócio que podem trazer benefícios para as duas partes.

Pense também em eventualidades como a antecipação da entrega, por exemplo. Quando existe uma relação de parceria entre as partes, isso pode ser feito com maior tranquilidade, gerando melhores resultados para a companhia.

Enfim, essas dicas podem ajudar você a melhorar o estoque da sua empresa, dando a ela maior dinamismo nas vendas e gerando lucro.

Agora que sabe como aperfeiçoar o estoque de loja de móveis, não deixe de conferir também as 6 melhores dicas para aumentar as vendas com móveis sob medida.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário