As 5 melhores dicas de vendas para marceneiros

Tempo de leitura: 3 minutos

 

Para uma marcenaria ter sucesso, não basta ter os melhores produtos. Os móveis não vão se vender sozinhos e, mesmo que não seja um vendedor nato, o marceneiro precisará assumir esse papel em algum momento. Quando essa hora chegar, é recomendável dominar algumas dicas de vendas.

Ao contrário do que muitos acreditam, para vender não basta um bom produto. É preciso ter técnica para lidar com as pessoas, compreender suas demandas e oferecer justamente aquilo que elas precisam.

Neste post, listamos 5 dicas de vendas para marceneiros. Confira!

1. Escute o cliente e compreenda seus anseios

Um vendedor habilidoso é aquele que escuta mais do que fala. Em vez de tentar empurrar algo para um cliente e tentar convencê-lo, faça as perguntas certas para descobrir exatamente aquilo que ele quer.

Nesse diálogo, ouça com atenção as suas demandas e faça comentários apenas para expor possibilidades ou adequar um pedido para algo que você consiga entregar. Imagine que você e o cliente estão construindo esse produto juntos: uma boa negociação não é uma disputa, mas sim uma atividade colaborativa.

2. Seja sempre muito educado

Ninguém gosta de ser mal-atendido, portanto, não faça com que seus potenciais clientes passem por essa experiência. Nada justifica uma falta de educação, nem mesmo se ele adotar esse comportamento hostil antes.

Ser educado no atendimento é uma atitude que literalmente não custa nada, mas pode aumentar as vendas da marcenaria. Trate todos seus clientes com educação e respeito e eles se sentirão muito mais à vontade para comprar na sua empresa.

Além disso, um profissional cortês sempre será reconhecido e terá uma fidelização maior e indicações dos seus clientes satisfeitos.

3. Aprenda a ser objetivo na descrição do seu trabalho

Não seja prolixo quando estiver apresentando o seu trabalho para clientes. Treine para ser o mais objetivo possível na hora de descrever o que você faz e quais são seus produtos.

Falas longas dificultam a absorção do conteúdo e pode ser que o cliente perca justamente as informações mais importantes que você quer transmitir. Além disso, falar demais prejudica a venda: lembre-se da primeira dica, que fala sobre a importância de escutar os clientes.

4. Tenha um portfólio bem descritivo

Uma das melhores formas de apresentar seu trabalho para os clientes é na prática. Tente fazer da recepção da marcenaria um portfólio dos seus produtos. Deixe alguns dos seus melhores móveis expostos e em uso para que as pessoas saibam exatamente o que esperar do seu trabalho.

Além disso, tenha fotos daqueles trabalhos já entregues que você considerou exemplares e mostre-as sempre aos clientes. Uma imagem vale mil palavras, portanto, faça uso delas.

5. Trabalhe bem o pós-vendas

O trabalho do vendedor não acaba após a primeira venda. Invista no relacionamento com o cliente e ofereça um pós-vendas exemplar.

Dar suporte para o consumidor após a venda, além de ser um dever do marceneiro, é uma maneira de fidelizá-lo. É muito mais fácil e barato manter um cliente antigo do que conquistar um novo. E, claro, além disso, com um bom pós-vendas os clientes satisfeitos indicarão a marcenaria para amigos e familiares.

E para aproveitar ainda mais essas dicas de vendas, que tal aproveitar o embalo para descobrir o diferencial competitivo da sua marcenaria e saber como se destacar no mercado?

 

Sobre Francisco | Promob

Especialista no universo da marcenaria, atua também como executivo de relacionamento e colaborador de conteúdo na Promob. Profissional com experiência no setor moveleiro, projeto de móveis e ambientes internos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *